quinta-feira, 28 de julho de 2011

Buñuel




O gênio de Woody Allen conseguiu transformar em meros figurantes de seu "Meia Noite em Paris" alguns nomes fundamentais da arte e da cultura que estavam baseados na Cidade Luz nos mágicos anos 20,como o jovem Luís Buñuel.
O personagem Gil,(roteirista famoso em Hollywood e alter ego de Allen),viajando no tempo, sugere ao futuro cineaste o enredo de um futuro filme- O Anjo Exterminador.

***********************



Membro da chamada Geração de 27, o diretor e autor surrealista-embora considerado homofóbico de carteirinha-usou temas homossexuais em sua obra cinematográfica e em alguns poemas.

"El arco iris y la cataplasma" (O arco iris e o cataplasma," 1927),escrito para o livro O cão Andaluz cutucava leitores portadores de pruridos puritanos.

São perguntas sem nexo sobre o ato sexual,religião e desafio à autoridade.
"Quantos maristas cabem numa ponte?

Quatro ou cinco?Quantas colcheias tem um tenório?1
1.230.424.Estas perguntas são fáceis.

Uma tecla é um piolho?



Vou constipar-me para os braços da minha amante?
O Papa excomungará as grávidas ?Um policial sabe cantar?
Os hipopótamos são felizes?Os marinheiros são pederastas?
Estas perguntas - também são fáceis?

Dentro de instantes virão pela rua duas salivas de mão



conduzindo um colégio de surdos-mudos,

Seria indelicado vomitar-lhes um piano da minha janela?'


*************



De acordo com o tradutor, estas imagens foram assim utilizadas em L'Âge d'Or (na sequência da perseguição dos amantes) onde quatro maristas atravessam pequena ponte.O "tenório" faz alusão a um tenor, mas também às representações surrealistas de "D. João Tenório" ,na Residencia de Estudiantes, onde morou .

Jogar pela janela objetos existentes em casas burguesas é outra sequência de "L'Âge d'Or".

O colégio de rapazes surdos-mudos aparece em "Tristana".




************************

Luis Buñuel Portolés nasceu em 22 de fevereiro de 1900, na aldeia de Calanda, na Espanha.

Era o mais velho dos sete filhos de Leonardo Buñuel González, rico proprietário no negócio de ferragens, e da bela María Portolés Cerezuela, 


Mais tarde, a família mudou-se para Zaragoza.
Criança feliz que cresceu na prosperidade,desenvolveu grande sensibilidade para lidar com plantas,animais e fenômenos naturais.
O fascínio pela morte, contam biógrafos, veio da visão de um animal em decomposição que viu,por acaso,num acostamento de estrada,Estudou num colégio jesuíta,de onde foi expulso.


*******************

Pequena linha do Tempo


*Em 1917, Buñuel foi estudar em Madri morando até 1925 numa pensão para jovens elegantes, a Residencia de Estudiantes, onde conheceu expoentes das letras, artes e ciências espanholas e internacionais e conviveu com os vanguardistas do cubismo, dadaísmo e surrealismo.



 *Foi na Residencia que se tornou grande amigo de García Lorca e Salvador Dali *Em 1920, fundou o primeiro cineclube espanhol.


*Em 1921, participou na representação teatral de Don Juan Tenório, de Zorrilla, em Toledo. *Em 1922, publicou os primeiros textos literários, influenciados por Ramón Gómez de la Serna


 *Em 1924, formou-se em História. Paris e o surrealismo
*Em 1925, foi viver em Paris, onde estudou cinema e trabalhou como assistente de vários realizadores entre os quais Jean Epstein. 


*Em Janeiro de 1929,Buñuel e Dalí, utilizando o método surrealista do " cadáver esquisito" escrevem o roteiro do filme Un chien andalu (Um cão andaluz).O filme foi um sucesso e um escândalo e durante vários meses esteve em cartaz no Studio 28. Os burros podres dentro de pianos de cauda, mãos cortadas, metamorfoses visuais, espantaram as platéias. Consta que a cena inicial da navalha cortando um globo ocular provocava desmaios na plateia e causou um aborto numa espectadora.

*En 1930 viajou a Hollywood, contratado pela Metro Goldwyn Mayer como «observador», onde conheceu Charles Chaplin. 



*Durante a guerra civil espanhola, exilou-se na França e, em 1938 ,foi para os Estados Unidos, passando a morar em Los Angeles*
Em 1941, tornou-se conselheiro e curador do Museu de Arte Moderna (MoMA) em Nova York.


 *Em 1946 ,adotou a cidadania mexicana.Ali,para sobreviver e contra tudo em que acreditava, realizou comerciais para agências de propaganda.


*Em 1950 ,retomou a carreira de diretor com Los Olvidados,sobre a vida dos meninos de rua na Cidade do México,


Segundo a Wikipedia portuguesa,"em seguida vieram Subida al Cielo (1951); o exasperante Susana (1951), sobre uma criada pérfida e intriguista; El Bruto (1952); o espantoso (e muito autobiográfico) Él (1952), sobre um señorito paranóico e louco de ciúmes ; Robinson Crusoe (1953); Abismos de Pasión (1953), ; Ensayo de un Crimen (1955); Nazarín (1958), sobre uma novela de Galdós, onde insere elementos anticlericais e que foi premiado em Cannes." Vingança


*Em 1960,em meio a críticas de outros exilados republicanos, regressou à Espanha para realizar "Viridiana".
O governo de Franco aceitou patrocinar e promover a obra no Festival de Cannes ,mas a censura burra não percebeu a crítica velada."Viridiana" ali ganhou a Palma de Ouro e causou um enorme escândalo na Espanha, onde foi proibido. 


Volta à França e tempos finais


O sucesso internacional de "Viridiana" reacendeu a fama de Buñuel. 
*Voltou para filmar no México (1962) O anjo exterminador e Simón del Desierto (1965) 


Depois passou a trabalhar apenas na França :em 1967 dirigiu A bela da tarde,em 1969, A Via Láctea e O estranho caminho de São Tiago e  outros clássicos do cinema. 
Depois de ter filmado Este obscuro objeto do desejo,muito doente, aposentou-se
.*Morreu na Cidade do México em 1983.



**********************************************************







Nenhum comentário: