sexta-feira, 14 de maio de 2010

Combo Cultural de Outono em Sampa -I


"MENAS- o certo do errado e o errado do certo"
no Museu da Língua Portuguesa
********************
Exposição enfatiza o jeito errado de falar nosso idioma, aceita a inovação e ensina a forma correta-caso o falante deseje.
************************
Ao meio dia e meio a porta se abriu e a gente vimos a exposição.Ontem tinha menas gente que hoje,mas não houveram tumultos.
A viúva do falecido estava lá fora e não entrou pra dentro.
Ela explicou: "Não reparem ni mim,não sejem malvados. Estou fora de si. O carro bateu e deu perca total.Vamos se ver amanhã?"
Francamente..nada haver,né?
**********************
Ao entrar,a surpresa:30 banners contendo erros ortográficos mais comuns no português popular falado no Brasil.
Uma instalação com efeitos óticos testa sua certeza (ou incerteza) sobre o certo e o errado.
Continuando a interatividade,um quiz com 15 perguntas de múltipla escolha mostra porque o que aparentemente está errado não está.E o que parece certo,não é(ou é).
Em seguida à cenográfica "Biblioteca de Babel",o vídeo "Norma, a camaleoa" encerra a visita ao 1º andar.

*O segundo andar do Museu abriga a exposição permanente.

*O visitante segue para o espaço multimídia no 3º andar.Ali,um vídeo de dez minutos de duração seguido de slide show (outros vinte minutos)encerram o belo programa cultural.

A exposição conta com dois curadores :: Ataliba T. de Castilho e Eduardo Calbucci.
*********************************************************
Serviço

Exposição "MENAS-O certo do errado e o errado do certo"
Museu da Língua Portuguesa

Praça da Luz, s/nº, Centro, São Paulo – SP CEP: 01120-010
Telefone: (11) 3326-0775
E-mail:
museu@museudalinguaportuguesa.org.br
Site:
http://www.museudalinguaportuguesa.org.br/
Horários terça a domingo, das 10 às 18hs (não abre às segundas-feiras)
Nas últimas terças de cada mês, o horário é estendido até 22h – bilheterias fecham às 21h.
Ingresso: R$ 6,00 ( seis reais) – pagamento somente em dinheiro
Estudantes com carteirinha pagam meia-entrada
Aos sábados a visitação ao Museu é gratuita.
********************************************
.

Nenhum comentário: