sexta-feira, 11 de março de 2016

Praia do Forte-Bahia-Outra vez no paraíso


Mata de São João
Litoral norte da Bahia



O PROJETO TAMAR




Pela décima vez visito este paraíso ecológico

que foi palco de uma comemoração no dia 13 de novembro de 2009 :30 anos da criação do Tamar (Ta de tartarugas e Mar de Marinhas)
que foi palco de uma comemoração no dia 13 de novembro de 2009 :30 anos da criação do Tamar (Ta de tartarugas e Mar de Marinhas)




Por coincidência,trinta anos é idade da maturidade de uma tartaruga e muitos dos filhotes soltos estão voltando `as suas praias para desovar.

Em março de 2010,o Projeto alcançou a marca de dez milhões de animais devolvidos ao mar.

A visitação turística não atrapalha,pois as tartaruguinhas se vão durante a noite.


Cerca de um milhão de filhotes são salvos aqui a cada temporada.
Cerca de dez milhões de filhotes de tartarugas são devolvidos ao mar nas 23 bases em 9 estados brasileiros pelo mais antigo projeto ambiental do país. 




"Nós já estamos recebendo as tartarugas como se fossem as nossas filhas que sob os nossos cuidados ficaram adultas ", contou o fundador e coordenador do projeto, Guy Marcovaldi.




*****************************************


Perfil de Mata de São João e seus principais distritos

(do site da Prefeitura)
  

"Mata de São João é um município com mais de 670 Km2. Uma vasta extensão territorial que se divide em duas partes. A Sede, que está localizada no interior do Estado, na região do Recôncavo Baiano, fica entre os municípios de Dias D´Àvila e Pojuca na Ba 093. É na Sede onde mora a maior parte da população, cerca de 70%, que vive das atividades comerciais e turísticas.
Na Zona rural, a produção de orgânico coloca o município em local de destaque. Os produtos aqui cultivados abastecem parte do mercado da capital e de outros municípios baianos. E não é só a agricultura que compõe esse cenário. A atividade pecuária também é intensa com a criação de bovinos, caprinos e eqüinos. No século passado, Mata de São João era um dos principais centros de distribuição de gado. Aqui funcionava um dos maiores abatedouros da Bahia.
Mas, hoje, a principal atividade econômica do município é a indústria do turismo. 


O Litoral matense, que vai de Praia do Forte a Sauípe, é um dos principais destinos do Brasil. São 28km de praia, um percurso que preserva remanescentes da Mata Atlântica, dunas, restingas, manguezais, coqueirais, lagoas, riachos, cachoeiras e praias paradisíacas, ainda pouco exploradas. Praia do Forte, Imbassaí, Diogo e Costa do Sauípe são as localidades que atraem o maior número de turistas que se encantam com a união da simplicidade dos vilarejos à sofisticação de algumas das maiores redes de hotéis do mundo; do tempero da Bahia à culinária de diversas nacionalidades. 

Atualmente, a atividade turística é responsável pela geração de milhares de empregos diretos e indiretos. A maior parte dos funcionários da indústria do turismo é cidadão matense que está nos hotéis, pousadas, restaurantes e outros estabelecimentos de serviços.
Mata de São João é um município singular e plural, que surpreende e encanta com belas paisagens e genuínas manifestações culturais. Samba-de-roda, capoeira, maculelê e a arte de trançar palhas de coqueiro para a confecção de bolsas, chapéus e outros acessórios são algumas das tradições passadas de geração em geração e que Mata de São João faz questão de apresentar a você".
 

**********************************


Nenhum comentário: