segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Filme HiSTERIA conta com humor a história dos vibradores

    



Exibido no  Festival  Internacional de Cinema do Rio   de 26 de setembro a 11 de outubro  e já em cartaz no circuito,  chegou "Histeria"

Jonah Lisa Dyer, Stephen Dyer e Howard Gensler  escreveram o  roteiro que a americana Tanya Wexler dirige. 
A ação se passa na Londres vitoriana, quando dois médicos (Dancy e Jonathan Pryce)  tratam a histeria - que, na época era considerada a causa do nervosismo das mulheres. 

Inicialmente o personagem Pryce "alivia" as suas  clientes manualmente, mas o parceiro inventa um aparato elétrico que pode revolucionar o tratamento desse mal.

Gyllenhaal faz a filha do personagem de Pryce.

Rupert Everett e Felicity Jones também estão no elenco.

O filme estreou em 18 de maio passado  nos Estados Unidos.

 Histeria


O  texto de Maria Helena Rowell informa:


"A histeria é uma psiconeurose cujos conflitos emocionais inconscientes surgem na forma de uma severa dissociação mental ou como sintomas físicos (conversão), independentemente de qualquer patologia orgânica ou estrutural conhecida, quando a ansiedade subjacente é 'convertida' num sintoma físico.
O termo origina-se do grego hystera , que significa útero.

Uma antiga teoria sugeria que o útero vagava pelo corpo e a histeria era considerada uma moléstia .O neurologista francês Jean Martin Charcot (1825-1893), que empregava a hipnose para estudar a histeria, demonstrou que idéias mórbidas podiam produzir manifestações físicas.

 Seu aluno, o psicólogo francês Pierre Janet (1859-1947), considerou como prioritárias, para o desencadeamento do quadro histérico, muito mais as causas psicológicas do que as físicas.
Posteriormente, Sigmund Freud (1856-1939), em colaboração com Breuer, começou a pesquisar os mecanismos psíquicos da histeria e postulou em sua teoria que essa neurose era causada por lembranças reprimidas, de  grande intensidade emocional"


*******

Linha do tempo do vibrador 

*O primeiro aparelho conhecido  chamado "Manipulator",  foi criado pelo médico americano George Taylor e causava aflição aos doutores que sentiam dores no pulso e nas mãos depois da aplicação nas pacientes estressadas.

*Em torno de 1880, o  Dr.Joseph Mortimer Granville patenteou o primeiro vibrador eletromecânico, o mesmo focalizado no filme Histeria.


*Entre 1835 e 1920, Gustav Zander também projetou um dispositivo para auxiliar nos distúrbios digestivos de seus pacientes  que foi muitas vezes utilizado para atingir um orgasmo,.

Está exposto no Museu Boerhaave, em Leiden (Holanda).

*Em 1902, a empresa americana Hamilton Beach patenteou o primeiro vibrador elétrico disponível para venda a varejo,

Foi o quinto utensílio doméstico usado com eletricidade,vindo depois da   máquina de costura, ventilador, chaleira e torradeira, e  dez anos antes do aspirador de pó e ferro elétrico.

Catálogos de grandes lojas americanas tinham o objeto para vendas pelo correio sob encomenda,mas essas versões "politicamente corretas" desapareceram na década de 20.

Motivos: desejo de evitar conotações sexuais desses dispositivos e o aparecimento de uma patente de 1938 para uma lanterna com forma estranha que deixou no ar a possibilidade de um eventual uso alternativo..

*Com a revolução sexual ocorrida nos anos 60,o vibrador ressurgiu


* Em 1966, Jon H. Tavel pediu  patente para o "Vibrador sem fio elétrico para uso no corpo humano", inaugurando o vibrador pessoal moderno.


*Em 1968,chegou o vibrador sem fio  com grandes melhorias ( por exempo,com multi-velocidade) e se tornou objeto barato de fabricar e fácil de limpar


*Desde os anos 1980, vibradores e brinquedos sexuais tornaram-se cada vez mais presentes  na cultura popular,  de um   episódio da série da HBO(agosto 1999) Sex  and the City, em que a personagem  Charlotte (Sarah Jessica Parker) se torna vicia em vibrador, o popularíssimo Rabbit.


*Em março de 2009, a Dra . Laura Berman recomendou no programa de Oprah Winfrey  que as mães ensinassem  aos seus filhos e filhas na faixa de 15/16 anos de idade o conceito de ter prazer com um vibrador clitoriano .


*Hoje, as cadeias de lojas CVS Pharmacy, Walgreens, Kroger, Safeway, Target e Walmart estão entre os principais varejistas  americanos que incluem vibradores nos seus estoques.


*Uma pesquisa publicada em edição de 2009 do Journal of Sexual Medicine demonstra que cerca de 53% das mulheres e cerca de 46% dos homens nos Estados Unidos  entre 18 e 60 anos  já usaram  um vibrador.


(fonte:Wikipedia Portugal)


****************************

Nenhum comentário: