segunda-feira, 6 de abril de 2015

Música de Câmara na Academia Brasileira de Letras-Edição de 9 de abril de 2015



 A Academia Brasileira de Letras  apresenta a  edição de abril/2015  do Projeto Música de Câmara  no Teatro R.Magalhães Jr. 
Av. Presidente Wilson.203 Castelo- Centro do Rio.
Academia Brasileira de Letras
No dia 9 de  abril de 2015 ,5a. feira, às 18.00 horas.
A  coordenação da série é do Acadêmico Marco Lucchesi e a  jornalista Nenem Krieger é responsável pela curadoria e    
produção.

ENTRADA FRANCA



********************

Patrícia Bretas


Nascida no Rio de Janeiro, graduou-se na Escola de Música da UFRJ com o grau “summa cum laude” e mudou-se para Paris, onde aprimorou seus estudos com Eliane Richepin, na Université Musicale Internationale de Paris (UMIP)

Na 
ocasião, participou com enorme sucesso dos Festivais Internacionais de Annecy em 1985 e 1986, merecendo diversos elogios da crítica. Fez também os Cursos de Verão de Épinal e Salzburg, onde destacou-se por suas atuações em todos os concertos promovidos. 

No Brasil, sob orientação de Maria da Penha, foi vencedora 
de importantes concursos nacionais e internacionais de piano, dentre os quais destacam-se os Concursos Arnaldo Estrella/1988 em Juiz de Fora, o Dell’Arte/1992, que conferiu-lhe uma viagem para a Itália, e o Sulamericano Artlivre/1995 em São Paulo – este último decisivo para o início de sua carreira pianística.

Em 1996 Patrícia Bretas concluiu o Mestrado em Piano pela Escola de Música da UFRJ com “A cum laude”, sob orientação de Myrian Dauelsberg e Gertrud Mersiovsky. Sua tese foi a primeira, dentro da referida instituição, a ser traduzida para outro idioma, fazendo, hoje, parte da Biblioteca do “Max Reger Institut” em Bohn-Alemanha.

Professora de Piano na Escola de Música da UFRJ desde 1997, foi Diretora-Adjunta dos Cursos de Extensão de 1999 a 2003.
Paralelamente às  intensas atividades acadêmicas, sua presença como concertista nas mais importantes salas de concerto tem sido cada vez mais constante.

*******************




Josiane Kevorkian



"Nasceu em Vitória e seus estudos começaram com Graça Neves ainda no ES e com os professores Alfredo Cerquinho e Daisy de Luca em São Paulo, onde concluiu o Curso de Graduação em Piano com nota máxima.
Em 1988 estudou com Pascal Rogé no Centre International de Formation Musicale em Nice e em 1991 concluiu Mestrado em Performance na City University em Londres, onde recebeu o 1º prêmio no concurso “Worshipful Company of Cordwainers”, que lhe valeu uma bolsa de estudos na Inglaterra passando a estudar com os professores Norman Beedie, Vanya Elias José, Richard Langham Smith e Erik Clarke.
De volta ao Brasil em 1992 passou a receber orientação da pianista Maria da Penha no Rio deaneiro.Além de desenvolver intensa atividade como solista e camerista, foi vencedora de importantes concursos nacionais e foi solista da Orquestra de Câmara de Vitória, da Orquestra Filarmônica do Espírito Santo, da Orquestra Sinfônica da City University e da Orquestra Sinfônica Brasileira.


Em 2002 foi solista convidado da Orquestra Sinfônica Brasileira para tocar o “Concerto para dois Pianos” de Francis Poulenc, sob regência de Roberto Duarte. 

Neste mesmo ano lançaram seu CD 
“Bretas-Kevorkian” com obras inéditas brasileiras para piano a 4 mãos e para 2 pianos, além da versão original para 4 mãos de A Sagração da Primavera, de Stravinsky.
Em 2008, sob a regência do maestro Ricardo Rocha, tocou a versão de câmara de Carmina Burana com a Cia. Bachiana Brasileira na Sala Cecília Meireles, com sucesso absoluto de público.

*************************************************"






Nenhum comentário: