quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Hoje é dia de Música de Câmara na ABL

Com o patrocínio da Petrobrás, mais uma edição do Projeto "Música de Câmara " no Teatro R.Magalhães Jr da ABL. Hoje, 6 de outubro de 2011 às 18 horas,Clara Sverner e João Carlos Assis Brasil tocam juntos depois de vinte anos e interpretam Ravel e Strawinsky.
A coordenação do projeto é do acadêmico,jornalista e musicólogo Luiz Paulo Horta
*****************
NO PROGRAMA:
*Ma Mère l'Oye ,*Pavana da Bela Adormecida,*Pequeno Polegar,*Laideronnette,*Imperatriz dos Pagodes
*Os entretenimentos da bela e da Fera, *O Jardim Feérico e *Sagração da Primavera.
O evento tem entrada franca e será transmitido ao vivo pelo portal da ABL
C
lara e João Carlos se apresentam isoladamente como pianistas de carreira internacional, como solistas de vários concertos sinfônicos no Brasil e no exterior e juntos formam um Duo desde a década de 80.
Da discografia do Duo constam gravações de piano a quatro mãos: um com
músicas de Erik Satie e Scot Joplin (1982), outro incluindo o norte-americano Gershwin e os franceses Maurice Ravel e Gabriel Fauré

*********************
Clara Sverner
"Apresentou-se em recitais e concertos por todo Brasil e em turnês para platéias da Europa, dos Estados Unidos, do Japão e de Israel.
Em seus programas exibe um repertório que escolhe meticulosamente e onde inclui desde antigos virginalistas ingleses do século XVI até os principais representantes do século XX.
Privilegiando, antes de tudo, a qualidade estética, o arrojo da invenção e a carga expressiva das músicas que executa,
No domínio da música clássica brasileira, foi a principal responsável pela redescoberta da obras de Glauc
o Velasquez. Foi a pioneira, também, na revalorização da produção pianística de Chiquinha Gonzaga, a quem dedicou várias gravações.
Na sua fecunda parceria com o saxofonista Paulo Moura aboliu fronteiras, abriu-se para outros universos sonoros, explorando um repertório que abrangia desde os clássicos da nossa música popular, como Pixinguinha, até obras especialmente compostas para o duo por Almeida Prado, Gilberto Mendes e Ronaldo Miranda.
A discografia de Clara Sverner consiste em 25 títulos, distribuídos internacionalmente.
Em 2005 ganhou o Premio TIM de música erudita com o cd Mozart Por Clara Sverner vol.2 vol.3 foi indicado ao Grammy Latino
Em 2009 lançou a caixa com a coleção completa das Sonatas de Mozart. E ,em 2010, Chopin por Clara Sverner"
(fonte:Wikipedia)

******************
João Carlos Assis Brasil
"Pianista de formação erudita, nasceu no Rio, começou a
a estudar piano ainda na infância, e aos 15 anos já era acompanhado por orquestras em concertos.
Foi aluno de Jacques Klein e aperfeiçoou os estudos em Londres, Paris e
Viena.
Mesmo consagrado como concertista clássico, envolveu-se com a m˙sica
popular, tocando ao lado de outros instrumentistas como os pianistas Clara Sverner e Wagner Tiso ou o violonista Turibio Santos e de cantores Ney Matogrosso, Zé Renato,AlaídeCosta, Olivia Byington.
Na década de 80 gravou discos a quatro mãos ao lado de Clara Sverner: um
com músicas de Erik Satie e Scot Joplin (1982), outro incluindo o norte-americano Gershwin e os franceses Maurice Ravel e Gabriel Fauré.
Em seguida veio "Jazz Brasil" (1986), com total ênfase no popular,
incluindo obras de Tom Jobim, Radamés Gnattali e Victor Assis Brasil,seu irmão gêmeo.
Dois anos depois, ao lado de Wagner Tiso, Jaques Morelenbaum e Ney
Matogrosso, lançou "Floresta do Amazonas".
Em 1990, quase dez anos
depois da morte precoce do irmão (em 1981), gravou o disco "Self Portrait" Assis Brasil por Assis Brasil", em que trouxe à tona composições inéditas de Victor." (trecho da divulgação)
*****************************
SERVIÇO




PROJETO "Música de Câmara na Academia Brasileira de Letras"




Duo Clara Sverner -João Carlos Assis Brasil
Quinta feira, dia 6 de outubro de 2011 às 18 horas

Teatro R.Magalhães Jr.
Avenida Presidente Wilson,203
Castelo-Rio de Janeiro-RJ
Tel: (21) 39 74 25 00
ENTRADA FRANCA
www.academia.org.br

Nenhum comentário: