segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

Fernando Pessoa e os seus contemporâneos no Museu Rainha Sofia em Madri



Museu Rainha Sofia-Madri
José de Almada Negreiros, Retrato de Fernando Pessoa, 1964. Museu Calouste Gulbenkian - Coleção Moderna. © Almada Negreiros, VEGAP, Madrid, 2017



     
José de Almada Negreiros, Retrato de Fernando Pessoa





 Do site   observador.pt

"Pessoa. Toda a arte é uma forma de literatura"

"Com curadoria de João Fernandes, subdiretor do museu, e da historiadora de arte Ana Ara, a mostra vai buscar o título a um verso de Álvaro de Campos, “um dos heterônimos mais vanguardistas de Fernando Pessoa”, e reúne os nomes de Almada Negreiros, Amadeo de Souza Cardoso, Eduardo Viana, Sarah Afonso ou Júlio (Saul Dias), entre outros.

O objetivo da mostra, de acordo com o texto de apresentação do museu, é o de estabelecer uma perspetiva das principais correntes estéticas portuguesas das primeiras décadas do século XX, até 1935, ano da morte de Pessoa, e do modo como a obra do escritor foi determinante para a particularização das expressões portuguesas da época.

Através da prolífica produção escrita dos seus mais de cem heterónimos, Pessoa criou uma vanguarda própria e converteu-se num intérprete de exceção da crise do sujeito moderno e das duas certezas, transpondo para a sua obra uma ideia múltipla do ‘outro'”, escreve o museu espanhol.
 A mostra anunciada pelo museu de arte contemporânea da capital espanhola — que somou mais de 3,6 milhões de visitantes em 2016 – dedica também uma “especial atenção” às publicações desse período, como a pioneira Orpheu, Águia, K4 Quadrado Azul, Portugal Futurista ou Presença, nas quais apareceram textos de Pessoa, e que “funcionaram como caixa-de-ressonância dessas ideias de vanguarda, exercendo uma grande influência estética e ideológica no meio intelectual português, na primeira metade do século XX”.

A exposição “Pessoa. Toda a arte é uma forma de literatura” abre ao público a 07 de fevereiro de 2018 e encerra a 07 de maio. 

Deverá ser acompanhada por iniciativas paralelas, a anunciar pela Embaixada de Portugal, na capital espanhola."
************

Nenhum comentário: